Gordo Viajão – 0128 – Não queria, mas….

Gente, sou forçado a um desabafo.

Não por causas recentes, mas por lembrar de uma situação recorrente na minha vida e na de alguns amigos.
Aí você pergunta:

“Que situação, Gordo Viajão? Conta, conta!!!”

E eu respondo:

“Não é com tanto ânimo assim, o que eu vou contar deprime….”

Sabem o que é?

É quando a pessoa além de te por numa friendzone se atira nos braços do primeiro mané que apareça só pra reafirmar que não quer nada com você…

Sim, isso acontece muito….

Quando eu estava na 6ª série, depois de 3 meses de aula, acabei descobrindo que gostava da minha melhor amiga, levei mais 3 meses pra criar coragem de contar pra ela, até aí ela não mostrava o menor indício de gostar de ninguém.

Ao saber que eu gostava dela, ela entrou no clássico modo defensivo, a friendzone, que já é normal pra muitos de nós homens, nerds ou não.

Mas é aí que a coisa toma uma proporção diferente. Além de me dizer que só me queria como amigo, ela passa a “ficar” com praticamente todos os garotos da sala, menos comigo. Ela pula de um relacionamento superficial a outro por semana, aparentemente com o único intuito de me afastar. Bem, com altos e baixos, durou até a 8ª série, e eu revi ela umas duas ou três vezes só, depois disso. Ao final desses 2 anos e meio, ela tinha uma dessas pastas de elástico abarrotada de poesias, desenhos e outras coisinhas melosas que eu fiz naquela época para ela, e eu tenho dela apenas a lembrança e um pedaço de papel com uma poesiasinha dizendo que eu merecia alguém melhor que ela ou coisa assim….

Bem, digamos que de forma menos exagerada da minha parte, a coisa se repetiu umas 3 ou 4 vezes no ensino médio (parei de escrever poesias para as garotas, afinal, quando se passa 2 anos e meio escrevendo poesia e mais poesia pra nada, se percebe a futilidade do esforço mal empregado).

Recentemente, ocorreram outros casos similares, mas isso foi ano passado, se não me engano….

O fato é:

As garotas parece que têm mania de tirar pseudo-relacionamentos da cartola só para afastar os amigos por causa da insegurança delas, achando que vão perder a amizade ou coisa do tipo… Elas se jogam em relacionamentos potencialmente destrutivos por simples medo de um compromisso maior com alguém que já provou que é amigo!!!

Aí vem com aquele papo de “ai, nós somos amigos”….

Vá catar coquinho, se a pessoa não serve pra ser sua amiga, não serve pra namorar, desgraça! O amigo você já conhece, está do teu lado a mais tempo, te entende, provou que está do seu lado apesar dos seus defeitos e não pelas suas qualidades! Dá pra entender isso ou quer que eu desenhe?

Anúncios